Para adicionar aos favoritos faça Ctrl + d

Empréstimo Padrão, com Carência ou com Valor Remanescente

A forma mais comum de efectuar o pagamento do crédito é segundo o empréstimo padrão, isto é, as prestações a pagar têm sempre o mesmo valor (assumindo uma taxa de fixa ou uma taxa variável em que o valor da euribor é sempre o mesmo). Esta é também a opção em que o empréstimo sai mais barato cliente, ou seja, os juros cobrados são menores.

O pagamento segundo o reembolso padrão é a opção em que o empréstimo sai mais barato ao cliente - os juros a pagar são mais baixos.

Outras opções são a subscrição de empréstimos com período de carência (em que durante alguns meses/anos pagam-se apenas os juros e o valor da divida permanece inalterado), ou com valor remanescente (em que parte do empréstimo é pago no fim deste).

A utilização de um período de carência pode ser útil para quem está a iniciar a sua vida profissional e consequentemente tem um salário inicial mais baixo ou para quem sabe que vai ter custos acrescido nos primeiros meses/anos do crédito.

A subscrição de um empréstimo com valor remanescente, pode ser vantajosa caso espere receber algum montante significativo daqui a uns anos mas não sabe exactamente quando (por exemplo, uma herança, a venda de um bem).

Em ambos os casos são situações a evitar uma vez que têm custos acrescidos para o cliente. O adiar do pagamento do empréstimo contraído tem sempre como consequência um aumento dos juros cobrados pelo banco.

Caso esteja a ponderar solicitar um empréstimo com período de carência ou valor remanescente, convém comparar o respectivo plano de pagamento com o do mesmo caso se opte por efectuar um regime de pagamentos padrão; analise o acréscimo de juros que isso irá trazer. Esta informação é disponibilizada na Ficha de Informação Normalizada.

Se pretende, salvaguardar a possibilidade de vender o imóvel logo que apareça uma oportunidade favorável ou pelo menos antes to termo do contacto, o pagamento de prestações constantes sem período de carência nem valores remanescente é o mais indicado.